21 de abril de 2009

Prémios destes é que não vos chegam a casa, para animar ainda mais o vosso solarengo dia!

Sim senhora! Finalmente, ao fim de 11 anos de casamento, o Sapo resolveu prendar-me com algo!

Atão, estava eu entretida com os meus afazeres domésticos e chega uma carrinha de entrega de encomendas... "É a Flávia Peixoto?" e eu "Acertou". O homem sai da carrinha e dirige-se a outra porta, e eu "É encomenda para mim?" e ele "sim", eu, a começar a parvar, "tem a certeza?", ele "se é a Flávia Peixoto, tenho. É da PT". Eu, cada vez mais parva, a repetir o que ele dizia e a questionar o inquestionável "da PT? Mas tem a certeza. Não encomendei nada. Não será engano?" (PT cheira-me sempre a roubo). "Não tem que pagar nada", acrescentou ele já divertido com o nó que tinha na cabeça. E eu olhava para a caixa que ele me depositou nas mãos, desconfiada... "Obrigada!", disse-lhe e ele lá seguiu a vida dele, todo animado.

Já eu, acagaçada, meti-me em casa, a pensar o pior - "seria uma encomenda armadilhada? teria antrax? alguma bombinha de carnaval de mau cheiro?". Aquilo de facto dizia PT Comunicações, mas parecia uma caixa tão reles que qualquer murcon poderia falsificar aquela etiqueta do remetente...

E andava eu nestas dúvidas delirantes, de quem parece ver muitos filmes de espionagem ou ter a mania que é importante, porque a verdade é que minutos antes soubera que correm sms's a chamar-me nomes e a inventar cenas acerca de mim (quem é frontal e escreve editoriais polémicos sujeita-se a isto) e por isso passou-me, sim senhora, pela cabeça que aquela encomenda fosse uma manobra baixa dos meus detractores.

Por isso foi com as pontas dos dedos e desviada um metro de distância que abri a caixa, e qual não é o meu espanto quando vejo, não uma bomba, nem pó branco, nem fumo colorido de mau cheiro a sair de lá de dentro, mas sim um harém de chocolates Milka! :D

Fui logo mostrar à minha mãe (que está de cama) e só depois reparei na cartinha de parabéns por ter sido uma das 50 contempladas com o cabaz Milka/Sapo, um passatempo em que participei na brincadeira, há umas semanas, respondendo a um pequeno questionário na net, que culminou com uma frase original sobre a Milka e o Sapo. A galhofar forte e feio, não é que ganhei mesmo?

Eis o meu prémio...


E aqui ainda falta outro coelho que dei logo à minha mãe!

Obrigada à Sapo/Milka ;-)

8 comentários:

Jorge Rita disse...

Olha a tal frase não foi uma a que aditei um qualquer comentário??? E assim sendo o prémio nao deve ser partilhado??...eu acho que também participei mas nao recebi nada...

Flávia disse...

Esta gente tem-me cá uma lata. Meu amigo qd te falei disso já a minha participação tinha sido feita. limitaste-te a dar a tua opinião tendo por base a minha frase... "se foss eu tinha escrito assim ou assado". há gente invejosa mesmo... :P

Isandes disse...

lol! E a mochilinha é muito fófi... Olha lá, não chegaram derretidos? Vê lá, não quero que te façam mal... se estiverem estragados, reencaminha para a seguinte morada: rua do b.... :)

Zaramateka disse...

Eu quero ser nomeada antes para este premio!! Eu juro que devolvo a t-shirt com o gatinho!!!

Bruno Marques disse...

Há pessoas com sorte. Eu nunca ganho nada! Fogo! É injusto! Mas os teus prémios são faines, como diz a Isandes. :)))

Flávia disse...

LOL Isa, aquilo que pensaste ser uma mochilinha é na verdade uma fita porta-chaves e um tapete para rato do Sapo.

Eu resolvi fazer este post e ilustrá-lo com fotos precisamente para meter nojo :D

Isandes disse...

:) Bjocas de melhora pa tua mami!

Flávia disse...

Bigada isa **